LEIA
 » FINALMENTE
   DESCOBRI UM!
 » CABRILHO, VIZCAÍNO
   & SANTA BÁRBARA
 » PASSEIOS e FOTOS
 » Portas abre arquivos
 » EM OFF
 » Carta ao Director
 » MÉDIO ORIENTE
 » CRÓNICA PICOENSE
 » CANÁDA
   PRÉMIO MARION
 » Edições Anteriores
 
CANÁDA PRÉMIO MARION

POWELL 2002 PARA LUSO-CANADIANA

Toronto, Canadá- A activista e conselheira de saúde feminina Filomena Carvalho recebeu o Prémio Marion Powell 2002, ficando agora o seu nome ao lado de cientistas e médicas, anteriormente galardoadas.

A galardoada luso-canadiana considera que o Prémio, traduzido numa pequena escultura alusiva e num montante 10.000 dólares (aproximadamente o mesmo valor em euros), é mais do que aquilo que ela representa.

Há 22 anos a ser uma das responsáveis do chamado Immigrant Women's Health Centre, no Kensington Market, Filomena Carvalho tem ajudado centenas de mulheres emigrantes, em matérias que têm a ver com a saúde sexual e reprodutiva. Filomena Carvalho veio de São Miguel, nos Açores, quando tinha 11 anos, tendo trabalhado no Centro de Saúde da Mulher Emigrante durante 22.

A cerimónia, integrada nas comemorações do Dia Internacional da Mulher, decorreu na McGregor Socks, uma fábrica de meias, em gesto simbólico, já que Filomena Carvalho leva a sua acção até às fábricas locais, através de um consultório móvel, onde se dão explicações e conselhos, se detectam anomalias e se luta por uma melhoria de vida.

A trabalhar desde 1981 como conselheira de saúde e co- gestora do Centro de Saúde para a Mulher Emigrante, especializou-se em conselhos de saúde sexual, primeiro na comunidade portuguesa, "para abater as barreiras sistemáticas devido à falta de serviços nas comunidades menos favorecidas".

Filomena Carvalho incluiu também no seu trabalho assistência em temas como a violência, habitação social, cuidados no tocante ao crescimento das crianças e acessos à saúde.

Verificando desde logo que outras barreiras se levantavam, designadamente devido às línguas, Filomena Carvalho organizou o primeiro livro de bolso relativo à Saúde Feminina, publicado nos princípios de 1980.

Ofereceu-se para dar aulas de Inglês como segunda língua nos próprios locais de trabalho e durante três anos andou por diversas fábricas.

Ofereceu-se ainda como voluntária para ajudar em reuniões e negociações contratuais no sindicato das trabalhadoras de roupas e vestuário.

Hoje, o Immigrant Women's Health Centre, estabelecido em 1975, é o único centro que providencia toda uma série de serviços de saúde sexual, especialmente para mulheres emigrantes, refugiadas e mulheres negras, servindo mulheres cuja primeira língua é o Chinês, Vietnamita, Espanhol, Português, Italiano, Tamil, Hindi, Urdu e Punjabi.

Instituído há sete anos, o Prémio Marion Powell deve o seu nome a uma investigadora e médica canadiana falecida em 1997 e é o galardão mais importante na área da medicina feminina atribuído no Canadá.



Copyright © 2002, VOICE Luso Canadian Newspaper Ltd. First Luso Canadian Paper to Jump on the Net! For more information contact [email protected]
 
Toronto,
17/Março/2003
Edição 772

ANO XXIII

   
   
   
  

 

 

  Desenvolvimento - AW ART WORK