LEIA
 » ELEITO O NOVO
   CONSELHO DAS
   COMUNIDADES
 » PONTA DELGADA
   BOMBARDEADA
 » Coelho "caçado"
   em manifestação
 » EM OFF
 » CRÓNICA PICOENSE
 » Edições Anteriores
 
Coelho "caçado" em manifestação

Mais de 400 pessoas manifestaram-se, na passada sexta-feira, no Pico contra a intenção governamental de centralizar as urgências no Centro de Saúde de São Roque. O secretário Francisco Coelho foi o principal visado.

Ânimos exaltados, agressões verbais, intimidações físicas a Francisco Coelho e à sua comitiva, levaram a que no Pico se vivesse uma manhã agitada, com uma manifestação popular contra a intenção governamental de centralizar as urgências no Centro de Saúde de São Roque do Pico.

Mais de 400 pessoas concentraram-se junto ao Centro de Saúde da Madalena para exigir a Francisco Coelho respostas sobre a possibilidade de se dar a centralização das urgências no Centro de Saúde de São Roque do Pico, utilizando slogans, como "esta é a forma de nos matarem mais rápido" e "se não sabem governar, tal como o governo de António Guterres, façam como ele e desistam antes que seja tarde de mais".

A população procurava obter, da parte do governo regional, respostas sobre a questão já referida, tendo Francisco Coelho respondido a todos os manifestantes que com ele contactaram.

Depois de ser alvo de diversas agressões verbais e intimidações e contactos físicos, Francisco Coelho e a sua comitiva composta também pelo director regional da Saúde, já dentro da viatura que o iria transportar para zona do centro de Saúde de São Roque, foram rodeados pela população, tendo sido a mesma viatura atacada e ficado imobilizada durante alguns minutos, demonstrando assim, o quão grande era o descontentamento popular face às medidas que o Governo Regional quer implementar, na área da Saúde e serviços sociais, na ilha do Pico. Para além das explicações de Francisco Coelho, os manifestantes exigiam também esclarecimentos da parte de Carlos César, presidente do Governo regional, tendo alguns se deslocado até ao Museu do Vinho para ouvir as mesmas. À chegada de César ao local, segundo a Antena1 Açores, "deu-se uma situação caricata, quando uma manifestante puxou pelo casaco de Carlos César e este terá, segundo ela, respondido com uma estalada na mão" da popular.

Em comunicado, o presidente do Governo Regional dos Açores, Carlos César, garantiu que "não há nenhuma decisão política que tenha sido tomada relativamente a quaisquer transferência de serviços de urgência de uns centros de saúde para outros, na ilha do Pico, no âmbito das reformas do sistema regional que saúde que o seu Governo pretende implementar em todas as ilhas da Região", respondendo aos protestos de, segundo nota do Gabinete de Imprensa do Governo Regional a "um pequeno grupo de manifestantes, que com ele se encontraram junto às instalações do Museu do Vinho, tendo reafirmado que não será tomada nenhuma decisão que observe inconvenientes para os picoenses". Para Carlos César, "não havia razão de ser para a referida manifestação, porquanto na análise e estudo da matéria, todos os indicadores apontavam para que, nos casos dos serviços de urgência, não se viesse a operar qualquer alteração ao seu funcionamento".

Entretanto, o Governo açoriano anunciou ainda investimentos de 6,2 milhões de euros, até 2007, na zona da paisagem protegida da vinha da ilha do Pico, candidata a Património da Humanidade. O secretário do Ambiente precisou que a verba se destina a financiar uma série de empreendimentos integrados no Plano de Gestão para toda a área, aprovado pelo Conselho do Governo, que ontem terminou uma visita de três dias ao Pico.

Segundo Hélder Silva, entre as várias medidas figura a elaboração de planos de pormenor a desenvolver em conjunto com as autarquias e que vão permitir o ordenamento dos 15 núcleos urbanísticos da zona protegida da vinha, disse. Prevista está ainda a recuperação de um solar, a instalação de um centro de informação sobre a produção de vinho e bolsas de estudo para a investigação de castas, adiantou.

In "Correio dos Açores"



Copyright © 2003, VOICE Luso Canadian Newspaper Ltd. First Luso Canadian Paper to Jump on the Net! For more information contact [email protected]
 
Toronto,
7/Abril/2003
Edição 775

ANO XXIII

   
   

  

 

 

  Desenvolvimento - AW ART WORK